Influenciadora critica música de Anitta: “Estou morrendo de vergonha de ser brasileira”

Como é de conhecimento dos fãs e seguidores, recentemente, a cantora Anitta se consagrou no topo das músicas mais tocadas da plataforma Spotify com o hit ‘Envolver’. Após a conquista, a influenciadora digital Nanda Schmidt decidiu ir até seu perfil oficial nas redes sociais para tecer críticas contra o funkeira e contra grupos feministas que classificam a música como um ato de “empoderamento”.

Segundo as falas da influencer, o hit de Anitta apenas foi capaz de mostrar a cantora sensualizando. Através de seu perfil nas redes sociais, ela expôs todo o descontentamento com a situação, chamando a atenção ao denominar a música como “porcaria” e mostrar toda sua indignação com o fato da canção está em primeiro lugar das músicas mais ouvidas no Spotify. Nanda ainda afirmou que, na web, grupos feministas tuítam que o Brasil havia vencido, destacando que a música não foi feita em português e que as mulheres não iriam vencer o patriarcado apenas com Anitta sensualizando durante todo o clipe.



Recomendamos