Médico de 33 anos é vítima de trágico acidente em sua casa e não resiste

Médico de 33 anos é vítima de trágico acidente em sua casa e não resiste

No interior do Rio Grande do Sul, em Erechim, a Polícia Militar acabou sendo notificada a cerca de um incêndio que havia atingido uma residência. As autoridades tiveram o chamado ainda durante a madrugada.

Logo ao se deslocar ao local, a polícia se deparou com chamas gigantescas que já consumiam o local. Na ocasião um homem foi resgatado, este avisou os agentes que ainda havia mais uma pessoa dentro da residência em meio ao forte incêndio.

De acordo com oque foi detalhado no Boletim de Ocorrência, quem estava ainda dentro da casa era Gabriel Basso de Moura, um médico de 33 anos de idade.

Os bombeiros precisaram se esforçar muito, e tiveram a ajuda de duas equipes de resgate, acabaram encontrando o corpo do médico período da manhã, o corpo estava em um dos quartos da residência e em meio aos destroços, após horas de buscas.

Depois de periciar muito o local do incêndio, a polícia acabou decretando a prisão de um homem, chegando a conclusão de incêndio criminoso. Este homem suspeito, trabalhava como metalúrgica da região, mas também era formado como enfermeiro.

A perícia concluiu que o homem colocou fogo na casa, e tirou a vida do médico. Na ocasião o culpado disse a polícia ter sofrido um surto psicótico. As investigações seguem adiante, para saber oque teria motivado o homem a atear fogo na casa, tirando a vida do médico.

Os agentes irão investigar a fundo, qual era a relação do enfermeiro com o médico que infelizmente perdeu a vida de forma criminosa. As autoridades seguem investigando o caso, e nos próximos dias devemos ter mais detalhes sobre o crime.