Por encostar em árvore venenosa, australiana sofre com dores insuportáveis há nove meses: ” Pior que dor de parto”

A dor é uma das sensações mais desconfortáveis que o corpo humano pode experimentar. Existem várias causas para a dor, desde lesões físicas até doenças crônicas, mas uma coisa é certa: a dor pode ser debilitante e interferir na qualidade de vida das pessoas. Naomi Lewis, uma mulher de 42 anos, sabe disso muito bem. Ela passou nove meses lutando contra a dor insuportável após ter sido “picada” por uma árvore venenosa na Austrália.

A árvore em questão é conhecida como Gympie-Gympie, ou Dendrocnide moroides, seu nome científico. Nativa da Austrália, a planta é famosa por produzir uma neurotoxina semelhante à de uma aranha, que causa uma dor intensa e duradoura. O apelido “planta do suicídio” vem de casos documentados de pessoas que se mataram por não conseguirem suportar a dor provocada pelo veneno.



Recomendamos